SAAE de Salto realiza com sucesso limpeza das caixas d’água da ETA João Jabour

O nível da caixa d’água foi reabastecido para, posteriormente, voltar o fornecimento aos moradores

Por Redação (Itu - SP) 29/08/2017 - 16:56 hs
Foto: Imprensa Salto

A limpeza das caixas d’água da Estação de Tratamento de Água (ETA) João Jabour, que abastece a região noroeste, foi um sucesso, na avaliação do Serviço Autônomo de Água e Esgoto (SAAE) de Salto. Durante a ação, a equipe retirou muito ferro e lodo acumulado ao longo dos anos. Além disso, efetuou serviços importantes para o aumento da captação de água, como a mudança da localização do cano de evasão da água.

O serviço executado pelo SAAE, entre domingo e segunda-feira, é a terceira de quatro etapas no processo de melhoria da qualidade da água e do abastecimento na região noroeste. A limpeza começou pontualmente às 22h de domingo, quando o registro de água das residências deveria ser fechado, e foi encerrada às 20h. Pouco antes desse término, os técnicos realizaram uma descarga para limpar o encanamento de todos os bairros da região. A medida foi repetida no Condomínio Haras São Luiz e nos bairros São Judas e São João, na terça-feira (29).

O nível da caixa d’água foi reabastecido para, posteriormente, voltar o fornecimento aos moradores. Nas residências, foi necessário que a torneira escoasse água por alguns minutos. “A medida é importante para o melhor aproveitamento da limpeza, para a água com resíduos da limpeza que ficou no encanamento seja escoada”, ressalta o superintendente do SAAE, Pérsio Paula.

Segundo ele, a limpeza não apenas levará água de mais qualidade aos moradores da região noroeste, como ampliará a capacidade de abastecimento. “Durante o serviço, efetuamos a mudança na altura do cano, que era muito baixo e, quando a água baixava, pegava lodo. Agora, a altura aumentou e não chegará mais lodo nas residências”, explica.

Outras mudanças

A limpeza é a terceira etapa de um processo de mudanças que envolvem quatro importantes ações, destaca Pérsio Paula. A primeira é o projeto feito para melhorar o sistema de distribuição da região noroeste. Neste ponto, uma equipe de técnicos químicos passa a atuar 24 horas no local. Antes, esse trabalho existia apenas na ETA Bela Vista.

A segunda etapa foi a busca por produtos químicos para tratamento que se adequassem à água captada do ribeirão Buru. Os produtos foram devidamente testados e, com isso, a água passou a ter mais qualidade.

A próxima e última etapa será a implantação de um novo decantador, que aumentará em 33 metros cúbicos o volume de água para distribuição, passando de 60 litros por segundo para 80 litros por segundo.